Blog Santo Antônio
Notícias

A secretaria de Educação de Luís Eduardo Magalhães já concluiu o planejamento de encerramento do ano letivo 2020.

Inclusive, no último dia 18, durante reunião na sede da Secretaria, com o objetivo de tratar sobre a renovação de alguns conselheiros, da análise das orientações de conclusão das atividades remotas do ano letivo de 2020 e seu respectivo calendário, protocolo e projeto de gravação de aulas, submeteu os documentos ao Conselho Municipal de Educação, quando não foi possível ser votado.

“Durante a reunião não foi possível socializar os documentos citados na pauta da reunião, pois a presidente e a secretária do Conselho justificaram que a mudança de gestão implicaria na destituição dos mesmos. Porém, no regimento deste Conselho não dá essa prerrogativa”.

A secretaria aguarda agora a nova constituição do Conselho, para que o calendário seja definido.

“Aguardamos a constituição do Conselho com os novos integrantes para prosseguir às decisões referentes ao fim do ano letivo de 2020, bem como seu calendário e demais assuntos referentes à educação do Município de Luís Eduardo Magalhães”.

Fonte: ASCOM

A ‘Chuva de Solidariedade’ gerada em Luís Eduardo Magalhães após as fortes chuvas e os prejuízos causados pela enxurrada, tem beneficiado outras famílias em situação de vulnerabilidade no município.


Na tarde dessa quarta-feira (21), foram entregues simultaneamente nos bairros Santa Cruz e Sol do Cerrado, cestas básicas fruto da campanha iniciada no último dia 15 de janeiro pela Prefeitura, através da secretaria de Assistência Social.


“Tivemos muitas doações e como já tínhamos atendido todas as famílias afetadas, resolvemos beneficiar outras famílias também”, contou a coordenadora do Plantão Social, Carla Rodrigues.

Fonte: ASCOM

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, através da secretaria de Planejamento, deu início a um levantamento sobre a situação das obras em andamento no município.


A primeira a sofrer interdição por meio de decreto da administração municipal, foi a de pavimentação e drenagem do Canal do Rio dos Cachorros, obra orçada em R$ 19.165.301,67 (dezenove milhões, cento e sessenta e cinco mil, trezentos e um reais e sessenta e sete centavos), resultado de um convênio com a Caixa Econômica Federal.


Desse total, R$ 7.682,437,99 (sete milhões, seiscentos e oitenta e dois mil, quatrocentos e trinta e sete reais e noventa e nove centavos), já foram gastos.

O status atual de execução era de 40,09%, no momento da paralisação.


No último dia 14 de janeiro, as fortes chuvas que caíram no município mostraram a ineficiência do trabalho.


Em pontos já concluídos, a estrutura executada não suportou a quantidade de água e a enxurrada invadiu a casa de moradores do entorno, causando uma série de prejuízos materiais.


Outras obras em andamento


Escola Municipal Galinhos (43,69% concluída). Valor total: R$ 911.899,86. Recurso: Precatórios do FUNDEF.

Escola Municipal Vila 1 (45,26% concluída). Valor total: R$ 828.052,58. Recurso: Precatórios do FUNDEF.

Escola Municipal Vila 2 (30,60% concluída). Valor total: R$ 667.203,46. Recurso: Precatórios do FUNDEF.

Pista de caminhada e ciclovia da Av. JK (56,27% concluída). Valor total: R$ 1.293.027,47. Recurso: município.

Fonte: ASCOM

O prefeito Júnior Marabá, com o objetivo de fortalecer e ampliar os laços com a Polícia Militar e conhecer o funcionamento das unidades, visitou essa semana as sedes da Companhia Independente de Ações no Cerrado, (CIPE/Cerrado) e da 85º Companhia Independente da Polícia Militar, (CIPM), em Luís Eduardo Magalhães.

Na oportunidade, conversou com os comandos militares e ouviu as suas demandas.

Na CIPE Cerrado, o prefeito se reuniu com o comandante e o subcomandante, Major Anselmo e o Capitão Jefferson, o Capitão Leonardo e os Tenentes Teixeira e Vilas Boas.

Na 85º Companhia, foi recebido pelo comandante Capitão Giovanni e pelo Subcomandante, Capitão Marcelo.

Acompanharam a visita, o vice-prefeito e secretário de Indústria e Comércio, Filipe Fernandes, o secretário de Segurança, Ordem Pública e Trânsito, João Paulo e o superintendente da Sutrans, Adê Cerrado.

Fonte: ASCOM
22
Jan / 2021

NOTA OFICIAL

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, através da secretaria de Saúde informa que o quantitativo de doses destinadas a vacinação de idosos com 75 anos ou mais, nessa primeira remessa acabou.

Seguimos vacinando os profissionais de saúde da linha de frente do COVID-19 e aguardamos a sinalização de nova remessa para que possamos dar continuidade a todos que se encontram nesse primeiro grupo prioritário.

Fonte: ASCOM

Luiza Trajano viu o seu patrimônio se multiplicar com a valorização das ações da varejista Magazine Luiza (MGLU3), que dobraram de preço na bolsa.

Dona Luiza, como é conhecida, tornou-se a maior bilionária brasileira – com R$ 24 bilhões acumulados, de acordo com ranking da revista Forbes. Luiza é a única mulher no top 10 da lista geral de bilionários brasileiros. Em 2019, ela ocupava a 24º posição e saltou para a 8ª em 2020.

O total de mulheres na lista de bilionários brasileiros da Revista Forbes passou de 33 para 46 em 2020. Ao todo, o ranking de bilionários tem 238 nomes, sendo que, destes, 46 são mulheres.

As ações do Magazine Luiza dobraram de preço na bolsa, graças à estratégia de inovação digital da companhia e de investimento no e-commerce, incluindo a aquisição da Netshoes, da startup de delivery de comida AiQFome e de três plataformas digitais de mídia: a Canaltech, a Unilogic Media e a InLoco Media.

No entanto, Dona Luíza não é a única bilionária. Outras 18 mulheres aparecem na lista dos 100 brasileiros mais endinheirados do país — ou seja, elas não representam nem 20% do total. Muitas são herdeiras de impérios, como WEG (WEGE3) e Itaú (ITUB3), diferente da Dona Luiza e da Dulce de Godoy Bueno, que construíram seus patrimônios.

Confira o top 10 das bilionárias brasileiras:

1 – LUIZA HELENA TRAJANO

Patrimônio: R$ 24 bilhões

Origem do patrimônio: Varejo

2 – DULCE PUGLIESE DE GODOY BUENO

Patrimônio: R$ 16,34 bilhões

Origem do patrimônio: Saúde

Godoy Bueno fundou, com seu ex-marido, Edson de Godoy Bueno, a rede de assistência de saúde Amil, em 1972. Ela deixou o dia a dia da companhia, mas manteve uma participação acionária estimada de 33%. Após a compra da empresa pela UnitedHealth em 2012, a médica investiu na rede de laboratórios Dasa, da qual detém 48%.

3 – FLÁVIA BITTAR GARCIA FALEIROS

Patrimônio: R$ 11,46 bilhões

Origem do patrimônio: Varejo

Herdeira do casal Wagner e Maria Trajano Garcia, que fundaram o Magazine Luiza, Garcia Faleiros tem uma participação na varejista por meio da holding Walter Garcia Participações.

4 – MIRIAM VOIGT SCHWARTZ

Patrimônio: R$ 10,77 bilhões

Origem do patrimônio: Indústria de motores

5 – CLADIS VOIGT TREJES

Patrimônio: R$ 10,66 bilhões

Origem do patrimônio: Indústria de motores

6 – VALSI VOIGT

Patrimônio: R$ 10,56 bilhões

Origem do patrimônio: Indústria de motores

As três “Voigts” têm participações acionárias na fabricante de motores WEG, que foi cofundada por seu pai, Werner Voigt. As irmãs e seus herdeiros são donos de 33,33% da holding WPA, que responde por 50,1% da WEG.

7 – MARIA HELENA MORAES SCRIPILLITI

Patrimônio: R$ 9,46 bilhões

Origem do patrimônio: Diversos

Herdeira do empresário José Ermírio de Moraes, que fundou a Votorantim.

8 – ANA LÚCIA DE MATTOS BARRETO VILLELA

Patrimônio: R$ 8,74 bilhões

Origem do patrimônio: Setor financeiro

É uma das maiores acionistas individuais do Itaú-Unibanco. Ela preside o Instituto Alana, organização sem fins lucrativos voltada para projetos culturais.

9 – CAMILLA DE GODOY BUENO GROSSI

Patrimônio: R$ 8,5 bilhões

Origem do patrimônio: Saúde

É uma das maiores acionistas da Dasa, após a morte do pai, Edson de Godoy Bueno. Ela também tem uma fatia acionária pequena na Amil.

10 – LILY WATKINS COHEN MONTEVERDE

Patrimônio: R$ 6,76 bilhões

Origem do patrimônio: Setor financeiro

Viúva de Edmond Safra, Lily administra o patrimônio deixado pelo banqueiro. Ela também herdou fortuna do marido anterior, Alfredo Monteverde, e ajuda diversas instituições de caridade.

 

Fonte: Pleno News

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reunirá a sua diretoria colegiada, nesta sexta-feira (22), para avaliar se permite o uso emergencial de mais 4,8 milhões de doses da CoronaVac.

No último domingo (17), a agência liberou o uso de 6 milhões de doses da vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan e pela farmacêutica chinesa Sinovac. Agora, a Anvisa avalia o aval ao lote de imunizantes que foi envasado pelo Butantan.

Na mesma reunião do dia 17, a Anvisa aprovou a aplicação de 2 milhões de doses prontas da vacina de Oxford/AstraZeneca, que deve chegar nesta sexta-feira ao país após negociações para liberar a importação da Índia.

O uso emergencial pode ser concedido a vacinas que estão em fase de desenvolvimento, desde que estudos clínicos tenham sido feitos no Brasil. A Anvisa aguarda o envio de dados, até 28 de fevereiro, pelo Butantan sobre a duração da eficácia da CoronaVac.

*Estadão

Fonte: Pleno News

Em sua tradicional live pelas redes sociais desta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro voltou a fazer críticas à imprensa brasileira e acusou o apresentador William Bonner, do Jornal Nacional (JN) da TV Globo, de “mentir” sobre o relacionamento do Brasil com Índia e China.

O presidente estava ao lado do ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas. Ele abordou o assunto mostrando um áudio de Bonner criticando o governo por “minar” as relações com os indianos e chineses. Bolsonaro desmentiu a informação.

– Segundo William Bonner, que ganha o dobro da Renata […] Pregam o tanto de igualdade […] Mas o William Bonner, dizendo no Jornal Nacional, que eu e Ernesto, nós, minamos o relacionamento com Índia e China. Primeira coisa: Agora, no final de janeiro, é o dia da república da Índia, e eles convidam todo ano apenas uma autoridade mundial. Quem foi convidado ano passado? Presidente Jair Bolsonaro – explicou.

O presidente informou que tem ótimo relacionamento com o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, e criticou William Bonner.

– Foi uma honraria sem precedentes! O interesse que o Modi tem no Brasil é o que nós também temos na Índia… Um excelente relacionamento. E nada mudou. O Bonner vem mentir no Jornal Nacional, com aquela cara de pastel dele, aquela cara de último a saber das coisas, dizendo que eu minei o relacionamento – criticou Bolsonaro.

Ele também falou sobre o bom relacionamento com os chineses.

– A questão da China é a mesma coisa […] Os números não mentem. Os números da nossa balança comercial com a China, o que nós vendemos, em especial o agronegócio, em 2019 foi maior [do que em] 2018. E [em] 2020, foi maior [do] que 2019. Não tem nenhum estremecimento […] No ano passado, final do ano, conversei com o [presidente da China] Xi Jinping, um outro assunto […] Eu não sou esse cara de falar e correr para a imprensa; muita coisa é reservada – ressaltou.

Bolsonaro, então, falou com Ernesto Araújo sobre as conversas com a China. O chanceler explicou a situação e devolveu a palavra a Bolsonaro.

– O problema, como o próprio embaixador [da China] disse, é burocrático. Não tem nada de político, como alguns falaram. Como Bonner falou, que nós minamos o relacionamento. Parem de mentir, pessoal, tomem vergonha na cara. Vocês atrapalham o Brasil. Eu tenho vergonha de vocês. Fazer um jornalismo dessa maneira – concluiu o presidente.

Fonte: Pleno News

A revisão de onze pesquisas sobre a eficácia da ivermectina contra o coronavírus, apontou que o vermífugo foi associado a uma redução dos níveis de inflamação, à eliminação do vírus, além de redução de mortalidade e de tempo de internação. Chamada de meta-análise, a pesquisa, feita pela Universidade de Liverpool, não é um estudo original, mas uma revisão de estudos sobre o tema.

O autor, doutor Andrew Hill, afirmou que nenhum dos estudos analisados é individualmente robusto o suficiente para que se estabeleça um nível de eficácia. Mas, combinados, eles podem indicar se o medicamento é eficaz. Apesar do resultado, o médico ainda não recomenda a aprovação do uso da ivermectina até que mais estudos sejam realizados.

– Muitos ensaios incluídos [no estudo] ainda não foram publicados ou passaram por revisão científica, e meta-análises são sujeitas a confusão. Além disso, há uma grande variação nos padrões entre os ensaios, diferenças entre doses de ivermectina e a duração dos tratamentos foi heterogênea. A ivermectina deve ser validada em estudos maiores randomizados – diz a análise

Os resultados da análise mostram uma redução do tempo até a eliminação do vírus, redução do tempo de hospitalização, uma taxa de recuperação clínica 43% superior e taxas de sobrevivência 83% maiores. Os estudos analisados foram realizados na Espanha, na Argentina, no Egito, no Irã, na Índia, em Bangladesh, na Nigéria, no Paquistão, na Turquia e no Iraque.

Fonte: Pleno News

O plano de imunizar todos os ex-presidentes da República desde a redemocratização contra a Covid-19, idealizado pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), parece não ter dado muito certo para o “marketing” do gestor paulista. Ao menos foi isso que indicou a resposta dada pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT), que rejeitou o convite feito pelo tucano para, em outras palavras, “furar a fila” da vacinação.

O “fora” dado por Dilma foi publicado em nota no site oficial da ex-presidente. Na mensagem, ela alega questões “éticas e de justiça” para rejeitar o convite e diz ser “inaceitável” não respeitar o que foi determinado pelo Plano Nacional de Vacinação, elaborado pelo Ministério da Saúde.

– Recebi o convite do governador de São Paulo para ser vacinada com a Coronavac no dia 25 de janeiro, em Porto Alegre. Agradeço, mas diante das circunstâncias tenho o dever de recusar a oferta, por razões éticas e de justiça. O Plano Nacional de Vacinação deve ser respeitado e, se é certo que a vacinação já começou, não há montante de vacinas disponível para que eu, agora, seja beneficiada – afirmou ela.

A ex-chefe de Estado ainda afirmou que aceitará tomar a CoronaVac, mas que vai aguardar sua vez de ser imunizada. Em dezembro, quando os convites feitos a ex-chefes de Estado foram noticiados pela primeira vez, a ex-presidente havia dito ao site UOL que “tomaria [a vacina] com imensa satisfação” se a dose fosse enviada por Doria a Porto Alegre, onde ela mora.

Além de Dilma, Doria estendeu o convite aos ex-presidentes Lula (PT), Fernando Collor (PROS), Jose Sarney (MDB), Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e Michel Temer (MDB). Lula e Collor também rejeitaram o convite do tucano, já FHC, Sarney e Temer aceitaram e devem participar da cerimônia marcada para o dia do aniversário de São Paulo.

Fonte: Pleno News

O presidente Jair Bolsonaro utilizou suas redes sociais, nesta quinta-feira (21), para comentar a liberação, por parte da Índia, do envio das vacinas contra a Covid-19 ao Brasil. Em suas redes sociais, ele explicou a seus seguidores que as vacinas de Oxford serão enviadas na noite de hoje e deu seus cumprimentos ao Itamaraty, ao chanceler Ernesto Araújo e aos servidores pelo trabalho realizado.

A exportação das doses do imunizantes ocorrerá na noite desta quinta. O voo que trará as 2 milhões de doses que foram compradas pelo Brasil tem decolagem prevista para 4h05 de sexta-feira (22) pelo horário local indiano (19h45 desta noite pelo horário de Brasília).

– O governo da Índia liberou as exportações de vacinas contra a Covid-19, e as primeiras remessas serão enviadas nessa sexta-feira para o Brasil e Marrocos, disse o secretário de Relações Exteriores da Índia (…) Meus cumprimentos ao Itamaraty e a Ernesto Araújo e servidores pelo trabalho realizado – escreveu Bolsonaro.

Fonte: Pleno News

Nesta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que não irá apoiar um projeto de lei que libera a venda de até 25% da área de municípios a empresas estrangeiras. A proposta já foi aprovado pelo Senado e seguirá para análise da Câmara dos Deputados.

A declaração foi dada durante a cerimônia de entrega de parte do lote 4, de obras de adequação da rodovia BR-135, em Coribe, na Bahia.

– Para nós, governo federal, a propriedade privada é sagrada. E adianto mais ainda: dizer a vocês que, no que depender de mim (e, tenho certeza, da bancada de deputados federais aqui, da Bahia), não permitiremos a venda de terras para estrangeiros. Esse país é nosso. É de cada um de nós – explicou Bolsonaro.

 

Fonte: Pleno News

A secretaria de Educação de Luís Eduardo Magalhães já concluiu o planejamento de encerramento do ano letivo 2020

Inclusive, no último dia 18, durante reunião na sede da Secretaria, com o objetivo de tratar sobre a renovação de alguns conselheiros, da análise das orientações de conclusão das atividades remotas do ano letivo de 2020 e seu respectivo calendário, protocolo e projeto de gravação de aulas, submeteu os documentos ao Conselho Municipal de Educação, quando não foi possível ser votado.

“Durante a reunião não foi possível socializar os documentos citados na pauta da reunião, pois a presidente e a secretária do Conselho justificaram que a mudança de gestão implicaria na destituição dos mesmos. Porém, no regimento deste Conselho não dá essa prerrogativa”.

A secretaria aguarda agora a nova constituição do Conselho, para que o calendário seja definido.

“Aguardamos a constituição do Conselho com os novos integrantes para prosseguir às decisões referentes ao fim do ano letivo de 2020, bem como seu calendário e demais assuntos referentes à educação do Município de Luís Eduardo Magalhães”.

Fonte: ASCOM, prefeitura de LEM

O Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS) é um órgão de instância colegiada, de natureza permanente e vinculada à Secretaria Municipal de Agricultura de Luís Eduardo Magalhães.

Tem por finalidade propor diretrizes para a formulação e a implementação de políticas públicas municipais para o desenvolvimento rural sustentável, bem como acompanhar e monitorar sua execução.

O CMDRS é uma instância de apoio a entidades, organizações e movimentos de agricultores do município, sendo responsável por exercer o controle social das políticas públicas para agricultura e para o desenvolvimento rural.

Nessa terça-feira (19), o agricultor Adelar Cappellesso foi anunciado como membro titular representando a Câmara de Vereadores.

“Muito orgulho em comunicar a população de Luís Eduardo Magalhães que começamos a receber as respostas dos ofícios encaminhados para a continuidade do Conselho. E mais feliz ainda por ter como membro titular pela Câmara, o meu amigo e representante do Agro, Adelar Cappellesso. O Conselho continuará com força total e apoio da Prefeitura Municipal”, comemorou o diretor de Agricultura do município, Kenni Henke.

Fonte: ASCOM, prefeitura de LEM

Na manhã desta quinta-feira (21), o prefeito Zito Barbosa acompanhado do vice Emerson Cardoso, também do presidente da Câmara de Vereadores, Otoniel Teixeira, vereador Alcione Rodrigues e da assessora chefe especial Marileide Carvalho, recepcionou o presidente Jair Bolsonaro no Aeroporto Dom Ricardo Weberberger, em Barreiras.

Pela primeira vez na Capital do Oeste neste ano, o presidente Jair Bolsonaro juntamente com o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas e comitiva, desembarcou no município e seguiu para a cidade de Coribe, onde fará a entrega ainda nesta quinta-feira, de parte do lote 4 de obras de adequação da BR 135. Na Bahia, além de Barreiras e Coribe, a BR 135 passa pelas cidades de Cocos, Jaborandi, Riachão das Neves e Formosa do Rio Preto. O trecho que corresponde a 67 quilômetros, está localizado entre os municípios de Jaborandi e Cocos.

A readequação do lote 4 da BR-135 contempla a adequação da pista, retificação de curvas e eliminação dos pontos críticos. Para o prefeito Zito Barbosa, o trecho da rodovia entregue hoje é fundamental para escoamento da produção de grãos da região do MATOPIBA, e beneficiará positivamente a logística de produção.

“Nossa região é uma das mais produtoras do país e necessita de boas vias de escoamento dessa produção, por isso, a entrega desse trecho irá beneficiar diretamente a economia regional e a todos que utilizam esse trecho de acesso. Recepcionar o presidente Bolsonaro no Aeroporto Dom Ricardo em Barreiras, fortalece também a demanda pela ampliação do nosso aeroporto, algo que tenho buscado desde minha eleição para o primeiro mandato como prefeito de Barreiras, uma obra de extrema relevância para toda a região Oeste”, pontuou Zito Barbosa.

Fonte: Dircom

Um prédio em construção do Instituto Serum, na Índia, foi atingido por um incêndio nesta quinta-feira (21). A empresa é a maior fabricante mundial de vacinas, e há o temor de que a ocorrência tenha afetado sua futura expansão da produção da vacina contra a Covid-19. Os brigadistas tentavam apagar as chamas na manhã desta quinta (no horário de Brasília), segundo informou o Corpo de Bombeiros da cidade de Pune, no sul do estado de Maharashtra.

A causa do incêndio e a extensão dos danos ainda não foram esclarecidas. A empresa disse que o incêndio se restringiu a uma nova instalação que ela está construindo para aumentar a produção de vacinas contra o coronavírus e garantir, assim, que ela esteja melhor preparada para futuras pandemias.

O Instituto Serum também revelou que o incêndio não afetou as instalações existentes que produzem imunizantes contra a covid-19 nem um estoque de cerca de 50 milhões de doses. Segundo relatos, não há feridos no incêndio. As imagens mostraram enormes nuvens de fumaça saindo do prédio, enquanto os bombeiros trabalhavam para apagar o fogo.

A empresa é a maior fabricante mundial de vacinas e foi contratada para produzir um bilhão de doses da vacina AstraZeneca/Universidade de Oxford. Adar Poonawalla, CEO do Instituto Serum, disse, em recente entrevista, que espera aumentar a capacidade de produção de 1,5 bilhão para 2,5 bilhões de doses por ano até o final de 2021.

A nova instalação seria a chave para essa expansão. Das mais de 12 bilhões de doses da vacina contra o coronavírus que devem ser produzidas este ano, os países ricos já compraram cerca de 9 bilhões, e muitos têm opções para comprar ainda mais. Como resultado, o Instituto Serum provavelmente produzirá a maioria das vacinas que serão usadas pelos países em desenvolvimento.

*Estadão

Fonte: Pleno News

Atualmente no comando da Secretaria de Saúde da cidade baiana de Porto Seguro, a médica Raissa Soares levantou a possibilidade de ser candidata ao comando do governo da Bahia nas eleições do próximo ano. Em uma transmissão ao vivo com o deputado estadual mineiro Coronel Sandro (PSL), Raissa disse que a confirmação depende apenas de uma decisão do presidente Bolsonaro.

– Meu presidente que vai dizer. O comando do meu presidente que vai me direcionar. Na mesma linha de verdade, justiça e liberdade que a gente vai defender como ideais para uma nação, eu assumo. Nesse momento ,estou preocupada em fazer uma boa gestão na Secretaria de Saúde de Porto Seguro – declarou ela.

Estabelecida como uma das principais defensoras de Bolsonaro no Nordeste, Raissa também afirmou que o momento como secretária de Saúde tem sido “um desafio e um aprendizado” e declarou que está à disposição para assumir o que for determinado pelo presidente da República.

– O que eu vou fazer como secretária de Saúde vai ser um para-casas. Um para-casas bem feito… o povo que escolhe. O voto é do povo. O presidente decide partido, combina… se precisar de Raissa Soares para ajudar o Governo a fazer uma boa gestão e que as coisas funcionem, eu estarei à disposição – completou a médica.

 

Fonte: Pleno News

Um caso de “empatia canina” viralizou nas redes sociais pelo mundo nos últimos dias e chamou a atenção da internet. Um morador de Londres, na Inglaterra, gastou cerca de 300 libras (R$ 2.169) com consultas veterinárias para seu cachorro, que mancava, até descobrir que ele não estava com a pata quebrada, e sim que o imitava. O dono do cachorro, Russel Jones, usa gesso e muleta na perna direita, após aparentemente ter sofrido uma fratura.

Jones, o dono do cachorro, publicou um vídeo em suas redes sociais no qual aparece caminhando na rua de muletas, e o cachorro Bill aparece ao seu lado, mancando. Ao ver o animal mancando, Jones ficou preocupado e o levou ao veterinário. Após gastar com raio-x e consulta, ele descobriu que Bill apenas estava fazendo um gesto de empatia.

– Custou-me 300 libras em taxas de veterinário e raios-x; nada de errado, apenas simpatia. Eu o amo – escreveu o homem em seu Facebook.

Apesar da resposta de Jones ao comportamento do cachorro, alguns comentários nas redes apontaram que o animal de estimação poderia estar realmente ferido, mas com um problema que poderia não aparecer em exames de raio-x. Em entrevista ao Daily Mail, a especialista em comportamento animal, Rosie Bescoby, aconselhou Jones a procurar outros veterinários.

– Eu teria sugerido que o proprietário [do cão] procurasse uma segunda opinião de outro veterinário – declarou.

Fonte: Pleno News


Nesta quinta-feira (21), o Presidente Jair Bolsonaro participa da Cerimônia alusiva à entrega das obras de adequação do lote 4 da nova BR-135. O trecho de 67 km está localizado no território do município de Coribe, Oeste da Bahia.

Além do Presidente Jair Bolsonaro, o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Teixeira, também participará da cerimônia. A visita está programada para acontecer durante toda a manhã desta quinta-feira, sendo que o retorno do presidente para Brasília está programado para o início da tarde.

A BR-135 é uma rodovia regional que está sendo transformada num corredor logístico que será responsável por interligar a região Sudeste, a região do Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) e o Porto de Itaqui (Maranhão). Além disso, a rodovia também será integrada com a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL).
Fonte: falabarreiras

Na última agenda do dia em Luís Eduardo Magalhães, em visita ao Canal do Rio dos Cachorros, o vice-governador João Leão constatou a ineficiência da obra. “O prefeito aqui está com um grande problema”, disse.


Leão se comprometeu em enviar ao município para avaliar o projeto, uma força-tarefa com técnicos da secretaria de Recursos Hídricos, da Embasa e da Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia (Cebr).


“Nós temos grandes profissionais para fazer uma análise completa do projeto e saber o que tem que ser corrigido”, pontuou.


A obra do canal foi paralisada por tempo indeterminado, através de decreto da Prefeitura, por apresentar inconsistências.


Desde o último dia 18, estão sendo realizadas intervenções nos trechos da Av. Kiichiro Murata, que dá acesso ao bairro Cidade Alta, e na Rua Jatobá, que dá acesso ao Vale do Amanhecer, com o objetivo de evitar transtornos aos moradores do entorno, em caso de novas chuvas.


“Estamos reanalisando o projeto para que junto com a empresa a gente consiga executar uma obra de caráter permanente e definitivo no município”, destacou o prefeito Júnior Marabá.

Fonte: ASCOM
  Curta nossa página
  PUBLICIDADE

| Todos os Direitos Reservados |